Redenção próxima

 

Cientistas judeus afirmam que a redenção pode estar bem próximo

Pois à tua vista mil anos são como o dia de ontem que passou como um relógio da noite. Salmos 90: 4 (A Bíblia de Israel)

 

O ano do calendário hebraico de 6.000 anos, daqui a 222 anos, marca o fim da era do Messias, mas o cientista Saul Kullok calculou uma nova data, trazendo a redenção para mais perto dessa data.

Saul fez muitos estudos físico-matemáticos contidas na Bíblia hebraica e na antiga tradição de Israel para chegar a esses dados.

Ele apresentou uma teoria adicional que traz implicações enormes sobre como nossa era atual se enquadra nessas profecias.

Ele usou o Talmud (Tratado Avodah Zarah 9a) que afirma que o mundo durará 6.000 anos, dividido em três períodos de 2.000 anos, o mundo era vazio, mais 2.000 anos o mundo existiu na “Torá”, e os dois mil anos finais serão para a era do Messias, dependendo da humanidade. No final dos 6.000 anos o Messias deve vir, mesmo que a humanidade não tenha se preparado.

O calendário atual hebraico, o ano atual e’8778, significando que a idade do Messias deve terminar daqui a 222 anos, ou 2240 EC. Afirmou.

Segundo estudos, “de acordo com o Seder Olam Rabbah e nosso atual calendário, a destruição do Primeiro Templo ocorreu em 442 aC. Isso significa que o Seder Olam Raba e nosso atual calendário hebraico estão fora de sincronia com os registros históricos modernos referentes à destruição do Templo. Introduz uma diferença de 164 anos em relação à contagem acadêmica para eventos históricos passados,” afirmou.

Segundo a contagem do calendário hebraico estabelecido por Seder Olam Rabbah, o ano 6.000 será em 222 anos. A era de Mashiach “Messias” durará até 2.240 dC. Mas se você baseia o fim dos tempos em uma data de destruição do primeiro Templo historicamente preciso em 586 aC, o ano 6.000 da cronologia hebraica cai para 2076 EC.

como estamos a apenas 58 anos do final dos 6.000 anos de história, podemos considerar que estamos de fato no final dos tempos”, disse Saul.

Segundo Saul, “isso significa que após os 6.000 anos de história dados pelo Talmud, temos dez dias de arrependimento para toda a humanidade, com duração de 6.000 dias a cada ano. Os rabinos, em sua sabedoria, acrescentaram este tempo de arrependimento para toda a humanidade,” concluiu.

Mt 24:36 Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai.”

Quando olhamos para as palavras de Jesus no NT, temos uma visão de que não saberemos o dia certo de sua vinda, mas podemos então considerar o que pode causar tal aproximação desse dia ao continuar lendo as causas provável no texto dos Evangelhos.

Mesmo que não seja uma data para se marcar, devemos estar atentos a essas preocupações humanas. Ficar desapercebido quanto a esse dia, infelizmente deixarão muitos desligados dessa promessa de redenção de Cristo. Jesus deixa claro que:

Mt 24:33 Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas.”

Com tudo o que temos visto a cada dia no mundo, temos plena certeza de que esse dia não demora a chegar. Deus em breve vai cumprir suas promessas de redenção para o seu povo e a sua igreja militante. Fica a dica!


Texto Original: Adam Eliyahu

Tradução para o Português: Logostheos e Seguidores do Evangelho


 

 

 

Acompanhe mais que Logostheos e Seguidores do Evangelho tem publicado

 

 

As notícias do mundo cristão que mais marcam os tempos e estudos científicos em todos os lugares

Acompanhe aqui informações de grande importância para a comunidade de estudantes da Bíblia

Livros em PDF para ler ou fazer Download

Estudos com vários temas: doutrinários, bíblicos, exegéticos, históricos, evangélicos e muito mais